Sindicalistas e deputados visitam unidades prisionais no Ceará


Diretores do Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp/CE) estiveram, mais uma vez, participando e estendendo o debate sobre os principais problemas do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará. A audiência pública aconteceu na tarde dessa quarta-feira (10), na Assembleia Legislativa, e foi requerida pelos membros da Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados.

O deputado federal CB. Sabino se mostrou preocupado com a real situação no cenário prisional cearense. Já o presidente da entidade sindical que representa os profissionais no Ceará, Valdemiro Barbosa, criticou a falta de recurso para resolver a situação. “Representantes do Governo do Estado anunciaram recentemente investimento de R$ 344 milhões destinados à Secretaria da Justiça. Quanto desse valor será investido em treinamento profissional e armamento? Precisamos de 3.600 agentes penitenciários para trabalharmos de forma razoável”, criticou o sindicalista.

Pela manhã, a convite do presidente do Sindasp/CE, os deputados federais Cel. Alberto Fraga (PMDB), relator da CPI do Sistema Carcerário, Pastor Eurico (PHS), CB. Sabino (PR) e Major Rocha (PSDB), visitaram as unidades do Carrapicho, CPPL I e IPPOO II. Os parlamentares foram proibidos de entrar e fotografar as dependências.

Deixe o seu Comentário