Sindasp/CE relembra quando o Governo anunciou a contratação de mil agentes terceirizados


A Diretoria Executiva do Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp/CE) faz uma breve retrospectiva nesta matéria acerca da nomeação dos novos agentes penitenciários. Trata-se de uma pauta encaminhada pelo Sindasp/CE, entidade representativa e legítima nas reivindicações da categoria.

Poucos lembram, mas em julho de 2016 a imprensa anunciou uma crise no Sistema Penitenciário, matéria jornalística que fez o executivo anunciar a contratação temporária de agentes penitenciários. Logo que se tornou pública, a diretoria do Sindasp/CE denunciou a medida e considerou que a terceirização temporária não seria a saída para resolver o problema.

 

 

Na ocasião, o sindicato requereu a realização do concurso público imediato. Os sindicalistas também criticaram a atitude do governo nos principais meios de comunicação e lançaram uma nota de repúdio pontuando que tal decisão seria o primeiro degrau para a privatização no sistema prisional.

E

As reclamações surtiram efeito, fazendo o governo divulgar a realização do certame em 2017. O Sindasp/CE estará sempre na defesa dos filiados, buscando um Sistema Penitenciário reestruturado, e nesta perspectiva, reafirma o compromisso pela retificação do edital e com o cadastro de reserva.

Deixe o seu Comentário