Sindasp/CE esclarece filiados sobre demandas encaminhadas à Sejus


O Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp/CE) esclarece à todos o que tem sido encaminhado às autoridades competentes pela entidade representativa, desde quando o atual presidente assumiu a Presidência do Sindicato em 2012. Três secretários passaram pela Secretaria da Justiça e coordenação e quatro pelo Sistema Penitenciário, todos sem exceção, foram e são cobrados pela entidade classista para padronizar procedimentos dentro do sistema prisional. A Diretoria Executiva sempre alertou sobre a necessidade de se equipar, capacitar os profissionais e aplicar a Lei de execuções penais sem distinção.

Algumas sugestões foram implementadas, a criação dos grupos táticos é apenas um exemplo. Reserva de armamento nas unidades que ainda está engatinhando, tivemos o zelo e compromisso de encaminhar para cada secretário ou secretária de estado titular da Sejus o que seria necessário para se moralizar o sistema penitenciário do Estado do Ceará. Todavia o que percebemos é a falta de interesse do poder público em investir na transformação do sistema penitenciário, aliada a falta de gestão dos que fizeram e fazem parte da administração prisional. Existem excelentes profissionais no Sistema, mas não são valorizados. Diante desse cenário, temos ainda uma parcela que não tem noção da responsabilidade que deveria adotar, e nem do alto risco a que estão submetidos pela atividade profissional que exercem. Se faz necessário nesse momento que os governantes adotem medidas para estancar a escalada da violência em nosso Estado, e comecem a investir na transformação do sistema penitenciário e, principalmente, no profissional Agente Penitenciário.

Está sobre a mesa da nossa atual secretária, Dra. Socorro França, várias sugestões para melhorias no sistema prisional cearense, dentre elas o acautelamento de armas para todos os Agentes Penitenciários do Estado do Ceará.

Publicado em 18/12/2017, categoria: Notícias do Sindicato por

Deixe o seu Comentário