SINDASP/CE acompanha a posse da nova agremiação do PHS


Em meio a esse furacão de corrupção na política brasileira, eis que surge uma esperança para os cearenses, principalmente aos integrantes do Sistema Penitenciário no Estado. Oscilações nas agremiações politicas ocorrem e, às vezes, estremecem as bases. Foi baseado nesse contexto que a equipe do deputado Federal Cabo Sabino assumiu o Partido Humanista da Solidariedade (PHS) no Ceará. A previsão é que o parlamentar seja empossado como presidente da sigla no mês de março do próximo ano.

O Presidente do Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp/CE), Valdemiro Barbosa, participou da cerimonia que, inicialmente empossou o advogado Sabino Sá como presidente do PHS no Ceará e, na ocasião, não descartou a possibilidade de um candidato no partido representando os agentes penitenciários com o apoio do deputado Cabo Sabino.

Sabino está à frente das discussões da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 372, viabilizando, assim, a articulação política na aprovação da Polícia Penal, projeto cria as polícias penais. A Polícia Penal determinará a segurança dos estabelecimentos penais e a escolta de presos, visando liberar as polícias civis e militares das atividades de guarda e escolta de presos, além de igualar os direitos de agentes penitenciários e policiais.

O Sindasp/CE esteve em Brasília por diversas vezes articulando, através da Fenaspen, o apoio dos parlamentares na tramitação da PEC 372 na Câmara Legislativa Federal. “Nós, na condição de sindicalistas, fazemos a reivindicação aos nossos representantes políticos, e, diferente de outros pleitos, o próprio CB. Sabino, na condição de parlamentar, acompanhava o andamento dos processos e nos repassavam. Foi uma parceria louvável que o Sindasp/CE construiu em Brasília. Agora só precisamos amadurecer a ideia de um representante no Ceará”, disse Valdemiro Barbosa.

Publicado em 27/12/2017, categoria: Notícias do Sindicato por

Deixe o seu Comentário